quarta-feira, 3 de março de 2010

Metabloguismos #3

Ela começou por me enviar um e-mail que me pôs a chorar. Abriu-me a vida de uma forma que não esperava mas me deixou encantada com a pessoa que ali estava. Descobrimos afinidades que nunca pensámos. Chega a ser esquisito termos formas tão parecidas de reagir. Desde Novembro trocámos confidências, mensagens, e-mails intermináveis. Conversámos horas sem fim no messenger. E ontem fomos finalmente almoçar. Quebrámos a última barreira que faltava. E se ainda havia um receio (mínimo) que a empatia ao vivo e a cores, que tanto queriámos que fosse igual, não se verificasse acho que ambas percebemos que não havia motivo. Acho que temos aqui um caso sério minha querida. De uma amizade recente mas que já tem umas raízes profundas. Gosto-te muito mesmo. E acho que estamos a construir uma amizade que será longa. Talvez tão longa como as nossas vidas. E gosto disso.

3 comentários:

  1. Depois de tanto que se tem falado sobre a blogosfera, invejas, rivalidades, picardias, venenos e afins.. apenas posso dizer que a mim tudo isso me passa ao lado, e devo um grande BEM HAJA a este "mundo" por ter trazido alguém tão especial para a minha vida. Um caso muito sério de uma amizade sincera e verdadeira.
    O resto tu sabes, eu sei...e como já disse tantas vezes, é só isso que interessa.

    ResponderEliminar