terça-feira, 19 de maio de 2009

E para quem pensou que eu estava a exagerar... (ou Geração Morangos com Açúcar #2)

REDAXÃO

'O PIPOL E A ESCOLA'

Eu axo q os alunos n devem d xumbar qd n vam á escola. Pq o aluno tb tem Direitos e se n vai á escola latrá os seus motivos pq isto tb é perciso ver q á razões qd um aluno não vai á escola. Primeiros a peçoa n se sente motivada pq axa q a escola e a iducação estam uma beca sobre alurizadas.

Valáver, o q é q intereça a um bacano se o quelima de trásosmontes é munto Montanhoso? Ou se a ecuação é exdruxula ou alcalina? Ou cuantas estrofes tem um cuadrado? Ou se um angulo é paleolitico ou espongiforme? Hã?

E ópois os setores ainda xutam preguntas parvas tipo cuantos cantos tem 'os Lesiades''s, q é u m livro xato e q n foi escrevido c/ palavras normais mas q no aspequeto é como outro qq e só pode ter 4 cantos comós outros, daaaah.

Ás veses o pipol ainda tenta tar cos abanos em on, mas os bitaites dos profes até dam gomitos e a Malta re-sentesse, outro dia um arrotou q os jovens n tem abitos de leitura e q a Malta n sabemos ler nem escrever e a sorte do gimbras foi q ele h-xoce bué da rapido e só o 'garra de lin-chao' é q conceguiu assertar lhe com um sapato. Atão agora aviamos de ler tudo qt é livro desde o Camóes até á idade média e por aí fora, qués ver???

O pipol tem é q aprender cenas q intressam como na minha escola q á um curço de otelaria e a Malta aprendemos a faser lã pereias e ovos mois e piças de xicolate q são assim tipo as pecialidades da rejião e ópois pudemos ganhar um gravetame do camandro. Ah poizé. Tarei a inzajerar?

Nota: Recebido ontem, por e-mail. (Infelizmente) com a seguinte legenda: texto (verídico) retirado de uma prova livre de Língua Portuguesa, realizada por um aluno do 9º ano, numa Escola Secundária das Caldas da Rainha. Ah! Pipol é people.

P.S.: uma vez, no início do 10º ano, área de humanidades, disciplina de Português A tive uma colega que, num teste, escrever "i per bolos à em esxesso" querendo dizer "híperboles há em excesso". Isto foi há uns 12 anos atrás. Acho que agora a coisa piorou.

15 comentários:

  1. Morri a rir, eu que sou da geração mcgyver e marés vivas....
    foi muita forte pá!

    ResponderEliminar
  2. Não consegui, sequer, encenar um sorriso. Palavra... Ainda estou atónito.

    ResponderEliminar
  3. (Apesar de já o ter feito várias vezes, ocorreu-me agora que não sei qual é a etiqueta para a primeira vez que se entra num blog... Pode ser um "Olá Miss G....? :P)


    :D Lindo!

    Primeiro: Não sei como eles conseguem, a sério. Eu teria muita dificuldade em escrever assim de propósito! :)

    Segundo: "'os Lesiades''s, q é u m livro xato e q n foi escrevido c/ palavras normais"... A ironia aqui é demais! :D Ele(a) não reconheceria palavras normais se levasse um linguado da própria língua portuguesa! :D

    ResponderEliminar
  4. Demorei um século a ler este e o debaixo.Também já tinha recebido por email um deles,mas nem quero acreditar que isto é mesmo veridico.Há muitos que escrevem mal,mas isto é mais do que exagero.

    ResponderEliminar
  5. Clara: pizzas de chocolate.

    Cprm: somos da mesma geração

    B. vilão: pois. É de ficar atónito, embora ao mesmo tempo, seja cómico o ponto a que eles chegam.

    Rice Man: pode ser um Olá Miss G. sim :) sobretudo com essa :p de fora ;) mas... eles não escrevem assim de propósito; ou melhor, os x's e os k's sim, mas o erros ortográficos são ignorância mesmo. E foi nisso que, ao não os incluir no meu texto (o abaixo) eu fui demasiado benéfica com a geração MCA.

    Kuka: o que tinhas recebido por e-mail foi este, porque o outro fui eu mesma quem escreveu. E, infelizmente, é verídico. Acredita. Eu lido com eles. E quando lhes dito coisas tenho de estar sempre a olhar e a corrigir, há é com h, preguiça não é com dois ss, e coisas piores. Ainda ontem me aconteceu.

    ResponderEliminar
  6. Essa das hiperboles deu cabo de mim! Mas sim, hoje é bem pior colega ;)

    ResponderEliminar
  7. Então os meus parabéns pelo texto de baixo,porque para o género está perfeito,podes fazer-te passar por um deles :p.E "cosinha" ou "cuzinha","pudes-te","fizes-te","fosse-mos","podia-mos",é uma dor para os olhos que nunca mais acaba.
    Sei que dou os meus erros a escrever e tenho noção disso,porque ninguém é perfeito,mas acho que simplesmente há coisas inadmissiveis e estas que deixaste("deixastes","fostes") aqui são algumas delas.
    beijinho

    ResponderEliminar
  8. eu tenho dificuldade em entender o que escreves?????

    socorrooooooo

    ResponderEliminar
  9. LOL.

    Esclarecimentos:

    o texto dos x's e dos k's, que tem intercalada a voz de um adulto foi escrito por mim. E acho que fui branda porque me esqueci de colocar erros ortográficos (que me lembre só pûs um ou dois).

    o texto do piol (segundo o e-mail que recebi) é verídico, por isso não foi escrito por mim.

    ResponderEliminar
  10. Já tinha lido este texto (se é que lhe podemos chamar isso...)
    Mais uma vez, fiquei boquiaberta.
    Mas gostei principalmente dos "4 cantos" dos "Lesiades"... my god!
    Big Kisses

    ResponderEliminar
  11. Ai deus meu! Quando eu pensava que ja tinha visto de tudo... LOL

    ResponderEliminar
  12. Cortem-me os pulsos por favor isto é veridico???? Eu tb sou da geração do Macgyver e do Justiceiro com o seu Kite e o Esquadrão A nessa altura a minha professora da primária ainda era daquelas que tinha uma régua de madeira e fazia ditados e por cada erro já sabiamos era reguada nas mãos e as manhãs de inverno eram as piores... ... Se calhar foi isso que lhes faltou...

    ResponderEliminar
  13. Deviam tentar traduzir as mensagens do meus irmão cheias de "x", "k", "w", "uh" e coisas que o valham... Até admira o texto não ter o tão utilizado "ex winduhh".

    Gostei do blog ;)

    ResponderEliminar